Publicidade

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014 ataques especulativos, BRICS, Crise Brasileira | 14:27

Fed fala das vulnerabilidades dos BIITA’s

Compartilhe: Twitter

Em relatório recente encaminhado ao Congresso americano, o BC americano menciona a situação de alguns países emergentes dentre os quais o Brasil. Ele destaca a fraqueza  moedas destes países nos últimos meses, e ele relaciona isto às suas vulnerabilidades.

Com base em alguns indicadores econômicos :

(1) deficit em conta corrente
(2) divida bruta do governo
(3) inflação dos últimos anos
(4 ) crescimento dos empréstimos feitos ao setor privado nos últimos anos
(5) relação da dívida externa sobre volume mensal de exportações
(6) tamanho das reservas internacionais

foi criado um índice que tenta medir a vulnerabilidade relativa de cada país. Quanto pior os itens 1, 2,3,4,5 maior a vulnerabilidade medida pelo índice. Já o item 6 ajuda a reduzir a vulnerabilidade. Ou seja,  a vulnerabilidade aumenta quanto menor a capacidade de gerar POUPANÇA Interna, como tenho repetido, insistido, frisado , um bilhão de vezes nos meus posts!! Quando os juros lá fora começam a se normalizar, a poupança externa fica mais cara  e escassa e aqueles países que geram menos poupança interna, dependendo da poupança externa como é o nosso caso, sofrem mais! 

O gráfico abaixo preparado pelo FED mostra, no eixo horizontal, o índice de vulnerabilidade calculado desta forma e no eixo vertical a desvalorização cambial ocorrida nos últimos  meses para cada país:

fedvuln

 

Marcado em vermelho temos o Brasil (BZ) e Turquia ( TK), que apresentam os maiores índices de vulnerabilidade de acordo com esta medida e portanto sofreram as maiores desvalorizações cambiais nos últimos meses. Pouco mais à esquerda temos os outros 3 f’rágeis ( INdia, InDonésia, África do Sul), completando  o time do BIITAS ou BITSI. Ou seja, vê-se aí que os mercados estão reagindo em função dos fundamentos de endividamento ( falta de poupança interna ) dos países. A elevada dívida pública, o crescente déficit externo e o rápido crescimento do endividamento das empresas e das famílias  são sintomas de falta de geração de poupança interna. Nossa produtividade cresce mais devagar do que nosso consumo… ou seja, não guardamos nosso aumento real de renda para os dias chuvosos. Não investimos para o futuro. Queremos resgatar toda nossa dívida social muito rapidamente. É um desejo louvável, porém não é realista. E tributar as elites econômicas, como defende o Prefeito Haddad, só agrava esta situação. Tudo isto gera endividamento e aumenta vulnerabilidade.

Quem quiser ler o relatório segue link abaixo:

http://www.federalreserve.gov/monetarypolicy/files/20140211_mprfullreport.pdf

PS: sempre podemos desqualificar a opinião do FED, pois:

  • estariam a serviço do grande capital financeiro
  • foram influenciados pelos analistas pessimistas conspiradores do mercado financeiro
  • fazem parte da conspiração dos imperialistas americanos para nos dominar
  • estão usando dados errados fornecidos pelos neo liberais do FMI
  • são um bando de neoliberal, pois vivem em Washington
  • estão a serviço da oposição aqui no Brasil
  • são uns burros pois não sabem nem pilotar as coisas por lá e ficam dando palpite aqui.

Porém tem muita gente lá fora que lê e acredita no que eles falam. Não quer dizer que eles estejam certos, mas que a opinião deles pesa, pesa. E esta senhora não me parece tola ou  irresponsável:

10248702_h19685109

 

Autor: Tags:

7 comentários | Comentar

  1. 57 José Humberto 13/02/2014 18:36

    Crescimento sustentável nós temos. Podemos fazer mais? Podemos.
    Criação de empregos fazem 12 anos que temos. Podemos fazer mais? Podemos
    Inflação alta? Não sei o que é alta ou baixa para voce. Podemos lutar para baixar mais? Podemos.

    • Ricardo Gallo 16/02/2014 11:10

      Hahaha. Excelente. Nao conhecia este tipo de enxadrista

    • Rodrigo 14/02/2014 10:39

      Ricardo, tenha cuidado!
      Detectei um pombo enxadrista idiota útil.

    • Ricardo Gallo 14/02/2014 10:53

      nao entendi?? desculpe-me…

    • Ricardo Gallo 13/02/2014 21:06

      Bom fica claro que o senhor esta usando este espaco para fazer campanha eleitoral. Infelizmente nao faz sentido eu ficar aqui respondendo este monte de comentário como este.

      De qualquer forma obrigado por ler esta minha coluna.

      E boa sorte ai no seu trabalho de patrulha mediática.

      Mas se podemos por que nao fizemod???

      Pergunta ai pro pessoal que prepara os textos…

  2. 56 José Humberto 13/02/2014 14:56

    Sou sempre acusado de governista.
    Sabe por que? Porque as coisas são difíceis.
    a solução não é tirar o Mantega.
    Qlquer um vai ter as mesmas dificuldades.
    A única coisa que acho é que devemos eleger um governo que lute pelas desigualdades.
    Não vejo outra alternativa.
    Diminuir as desigualdades fará c/ que as despesas com assistencialismo diminuam.
    Vamos à luta

    • Ricardo Gallo 13/02/2014 15:44

      Ps; nao sabia que o senhor defende reduzir as despesas com assistencialismo. eu nao quero….

      mas para diminuir desigualdade, sem assistencialismo como você pretende, não seria preciso acelerar o crescimento da economia de forma sustentável, sem desequilíbrios, gerando assim mais empregos e mantendo inflação estável? e não é isto que eu tenho defendido que seja feito? ou o senhor tem uma outra forma, outro modelo econômico, de reduzir desigualdades no médio prazo sem crescimento, com inflação elevada ? qual seria este modelo? estamos aqui todos curiosos para saber.

    • Ricardo Gallo 13/02/2014 15:40

      falou e disse, companheiro! horario de propaganda gratuito agora no blog do gallo!!! é a democracia!! e boa sorte na “luta” cibernetica ai. mas a gente continua aqui no debate economico, olhando os fatos e os numeros: voce teve chance de visitar o site do ibge e ver o grafico que lhe falei sobre a poupança? feio né…desde 2009 só piorou.desde que superavit primario comecou a cair.. como voce diz, deve ser mesmo muito dificil… para alguns as vezes é mais dificl… em particular para aqueles que nao querem reconhecer a realidade dos fatos e dos numeros….

  3. 55 Carlos Eduardo 13/02/2014 9:39

    foi aqui:
    http://www1.folha.uol.com.br/fsp/mercado/152002-governo-ve-com-desdem-criticas-de-bc-dos-eua.shtml

    e gostei das explicações, uma me fez dar uma risada
    “são um bando de neoliberal, pois vivem em Washington”

  4. 54 Carlos Eduardo 13/02/2014 9:32

    Acabei de ler na Folha que o Mantega disse que o cálculo do FED não foi “robusto”. Ficarei no aguardo do modelo-réplica do nosso Mantega.

    • Ricardo Gallo 13/02/2014 10:13

      robusto ou nao, nossa moeda junto com a turquia foi uma das que mais apanhou….

  5. 53 Hudson 12/02/2014 23:53

    Sou obrigado novamente a repetir: já passou da hora de remover estes idiotas do poder.

    • Ricardo Gallo 13/02/2014 10:15

      olha, o desafio é grande. nao é maior contudo do que o que lula enfrentou em 2003 e deu conta do recado…. o problema é que será preciso ser impopular para ajustar as contas…

  6. 52 José Humberto 12/02/2014 18:04

    Acho que é o fim.
    Nunca tivemos uma poupança maior do que 16%.
    Agora acho que vamos quebrar, principalmente em ano de eleição. Que azar da Dilma e do PT.
    A solução será Aécio, Eduardo Campos e Marina Silva.
    Esses são os caras que apoiam o neo-liberalismo.
    Mas por que não perguntar ao FED qual que eles acham melhor?
    Poderiamos sugerir que eles fizessem um quadro para mostrar como se faz poupança .
    Por que não?

    • Ricardo Gallo 12/02/2014 20:31

      Ps: talvez o ministro mantega pudesse falar pessoal do fed da proxima ver que ele for a davos acalmar os investidores internacionais….

    • Ricardo Gallo 12/02/2014 20:28

      se voce diz que vamos quebrar, iremos quebrar. voce deve saber pois esta mais perto do poder do que eu. esta melhor informado.

      esta sua afirmação sobre nunca tivemos poupança acima de 16% nao está correta..… .ela soa bem mas é incorreta… de 1969 ate 1991, segundo o ibge ela esteve ao redor de 20%. . em 2008 bateu 20%… hoje é 15%… eu nao sei quais suas fontes de dados, mas sugiro uma visita ao site do IBGE , no link:

      ftp://ftp.ibge.gov.br/Contas_Nacionais/Contas_Nacionais_Trimestrais/Fasciculo_Indicadores_IBGE/pib-vol-val_201303caderno.pdf

      na pagina 24 do pdf….

      ou se voce deseja uma serie mais longa:

      http://seriesestatisticas.ibge.gov.br/series.aspx?vcodigo=SCN47&t=participacao-poupanca-brbruta-renda-disponivel-bruta

      mas eu nao acho que iremos quebrar. soh teremos mais um ano de crescimento pifio em 2015… e outro em 2015. … . ganhe quem ganhe as eleiçoes. está dado. com ntn b pagando 6.8% aa acima da inflação, selic subindo, o consumo e investimento vao se retrair… sempre é assim quando deficit em conta corrente sobe do jeito que subiu…. todo processo de ajuste é assim. deficit sobe, pib depois cai para corrigir….

      se tua precupaçao eh com quem ganha eleiçao, liga pro Ibope… eu nao tenho a menor ideia. e durante a campanha seria legal voce perguntar a todos os candidatos como eles pretendem resolver este problemao!

      quanto a como fazer para aumentar taxa de poupança, eu ja dei algumas ideias aqui…nao eh tao dificil. começa reduzindo despesa publico e imposto…. ja é um começo. qual seria a sua receita?? qual candidato ira promover uma elevacao de poupança na sua opiniao? nenhum deles?

      perguntar pro fed? eu prefiro perguntar pro ministro mantega… . afinal ele é quem toca as coisas por aqui, ne? o problema é que ele preve ha uns 4 anos que taxa de investimento vai subir para 20% e nao passa de 18%…. credibilidade dele neste front nao esta boa nao. de 2008 poupança despencou…. e ele nao falou nadinha.

      mas o que voce apoia? desenvolvimentismo nacionalista pro bem estar social? qual sua linha de pensamento economico? voce gosta de carga tributaria alta e de estado gastador! me lembrei! e de deficit fiscal alto, bem alto, divida bruta elevada, de tal forma que o governo seja forçado a pagar juros absurdos para rolar a divida ! e de bndes subsidiando grande empresario. eu nao acho que esta seja uma boa receita para o sucesso do desenvolvimentismo nacionalista pro bem estar social. pelo menos nao é o que parece. mas os rentistas de plantao torcem para que este seu pensamento economico, prevaleça pois assim juros ficam bem altos, e ja começaram a subir. enquanto os pequenos empresarios, sem linha do bndes, sangram. e os novos projetos de meus clientes vao para gaveta….

      e o senhor politizando a coisa…. viji….

  7. 51 Joe Zeibars 12/02/2014 15:48

    mais algumas possibilidades:
    são uns críticos caras de pau
    são uns nervosinhos de mercado

    alias nao sei se viu saiu agora pouco, mais um imperialista neo liberal do consenso de washington
    The Fed is not to blame for turmoil in emerging markets
    http://www.ft.com/cms/s/0/eacb3d3c-93d4-11e3-a0e1-00144feab7de.html

    • Ricardo Gallo 12/02/2014 16:26

      eu acho que tem mandar prender estes caras. sao os black bloc do neoliberalismo.

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.